terça-feira, 6 de outubro de 2009

A hora errada

Durmo na hora errada
Acordo na hora errada
Começo o dia na hora errada
Escovo os dentes na hora errada

Meu café é na hora errada
E faz o almoço também o ser
Fico com fome na hora errada
Ao fim do dia, procuro o que comer

Crio histórias na hora errada
Escrevo poemas na hora errada
Começo a amar na hora errada
E me despeço na hora errada

Fico sozinha na hora errada
Porque te preciso na hora errada
Eu te espero na hora errada
Vou te amar, mesmo errada...

Um comentário:

Lança uma flor ou uma flecha. Só não passes por aqui sem deixar-me um pouco de ti.

Imagens

http://photo.net/

google/imagens

Visitantes

Seguidores

No jardim...

Siga-me por email!