segunda-feira, 28 de novembro de 2011

Aurora



Espera que a manhã já vem:
Claro e pleno alvorecer.
Rompe a noite, sol a nascer,
Trazendo o cheiro de um bem.

Espera que a manhã já vem
Surpreendendo em melodia!
Dançando frestas de poesia,
Singelos traços de vida-além.

Aguarda a luz que se revela
Que rasga a densa tristeza,
Que banha a face em beleza,
E a paz no coração, sela.

2 comentários:

  1. Cada amanhecer representa um novo desafio e uma benção pela dádiva de estarmos vivos!

    Bela poesia, prezada amiga!

    Muita paz!!!!!!

    ResponderExcluir
  2. Sempre linda, doce e bela. Saudade. Dia 11 ou 12 aporto em Mossoró. Breve encontro, mas real. Bjocas do thio.

    ResponderExcluir

Lança uma flor ou uma flecha. Só não passes por aqui sem deixar-me um pouco de ti.

Imagens

http://photo.net/

google/imagens

Visitantes

Seguidores

No jardim...

Siga-me por email!